Últimas Notícias

PROPAGANDA

PROPAGANDA

#Amazonia - Ministério da Defesa faz cotação de preços para última etapa do Amazônia Conectada

04/08/2017, sexta-feira

Foto: Reprodução Internet (Rede de cabos de fibra ótica são lançados no Rio Negro)

Os cabos de fibra ótica serão utilizados para fazer a ligação entre 13 municípios na penúltima etapa do Amazônia Conectada. A previsão é que até o próximo ano o sistema comece a funcionar

Álik Menezes
Manaus (AM)

Após a conclusão dos trabalhos da terceira etapa do projeto Amazônia Conectada, o Ministério da Defesa realiza cotação internacional para aquisição dos cabos, que serão utilizados para fazer a ligação entre 13 municípios na penúltima etapa do programa. A previsão é que até o próximo ano o sistema comece a funcionar levando internet banda larga à população do interior do Amazonas.

Na próxima fase dos trabalhos, será realizada a instalação de cabos em dez novos trechos: Tefé/Fonte Boa; Fonte Boa/Tonantins; Tonantins/São Paulo de Olivença; São Paulo de Olivença/ Tabatinga; Novo Airão/ Barcelos; Barcelos/ Santa Isabel do Rio Negro; Santa Isabel do Rio Negro/São Gabriel da Cachoeira; Manaus/Itacoatiara; Itacoatiara/Parintins e Parintins/Santares, totalizando 2.727 quilômetros de cabos de fibra ótica 

Segundo informações do Ministério da Defesa, em cada trecho são realizados estudos com o objetivo de saber quais equipamentos serão utilizados para receber e regenerar o sinal. Conforme o ministério, todo esse procedimento demanda tempo de estudo e cotação de custos com as empresas que irão participar das licitações. Na terceira etapa do projeto, um ano foi de preparação e 60 dias de operação, entre instalação, ajustes e testes do cabeamento que liga Manaus a Coari e Manacapuru.

Em nota, o Ministério da Defesa informou que os três primeiros trechos, que estão prontos para entrar em operação, aguardam uma nova etapa que será o ‘chamamento público’. Nessa fase serão selecionadas empresas que atenderem os requisitos para exploração comercial, que deve acontecer até o final desse ano.

O projeto

O projeto Amazônia Conectada é uma iniciativa conjunta liderada pelo Ministério da Defesa, caracterizado pela construção de infraestrutura de comunicações na Região Amazônica. A infraestrutura é implantada por meio de cabos fluviais, a partir de cabos de fibra ótica que ficarão no fundo dos afluentes principais da Bacia Amazônica. O objetivo é levar serviços de banda larga para os municípios mais afastados da região, como Coari, Tefé, Manacapuru, Novo Airão e Tabatinga.Reprodução/InternetRede de cabos de fibra ótica são lançados no rio Negro durante a segunda etapa do programa Amazônia Conectada.

As parcerias estratégicas

Segundo o Ministério da Defesa, os investimentos feitos no programa Amazônia Conectada são provenientes de parcerias com órgãos públicos e instituições de pesquisa que de alguma forma teriam benefícios com a implantação deste projeto nos municípios da região. Entre eles o Ministério da Educação, Ministério de Ciência, Tecnologia, Comunicações e Inovações, Agência Nacional de Águas, Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas, Instituto Chico Mendes, Tribunal de Justiça do Amazonas e Ministério Público do Estado do Amazonas, além de outros interessados que ainda estão em negociação, como o Ministério da Saúde e o Tribunal Regional do Trabalho.

Acrítica

Seja o primeiro a comentar

Nenhum comentário:

Postar um comentário